Caro colega geógrafo,

A Associação Espanhola de Geografia (AGE), a Asociação Portuguesa de Geógrafos (APG) e o Departamento de Geografia da Universidade de Salamanca (USAL) convidam-no a juntar-se a nós, em Salamanca, de 4 a 6 de Julho de 2022, na 17ª edição do encontro bienal entre geógrafos espanhóis e portugueses.

O XVII Colóquio Ibérico de Geografia terá lugar na Faculdade de Geografia e História, em Salamanca, cujo centro histórico foi declarado Património da Humanidade pela UNESCO em dezembro de 1988. A uma cidade é marcada pela cultura e pelos congressos, como espaço para viver e desfrutar, aprender e transmitir, combinando tradição e modernidade. Constitui um quadro óptimo para a celebração de encontros culturais e científicos e é capital de um amplo espaço provincial limítrofe com Portugal. A sua universidade, que recentemente celebrou o oitavo centenário, mantém laços estreitos com a sua irmã portuguesa de Coimbra, também fundada no século XIII e cujo campus histórico partilha o título de Património Mundial com Salamanca desde 2013. Ambos reforçam a sua cooperação a partir do Centro de Estudos Ibéricos, sediado na Guarda e criado em 2001, a partir das colaborações criadas durante a comemoração do oitavo centenário desta cidade portuguesa, em 1999.

O Departamento de Geografia da Universidade de Salamanca foi criado e dirigido desde o primeiro momento por uma referencia em Salamanca, na Geografia Espanhola e nas relações ibéricas, o Professor Ángel Cabo Alonso, Doutor Honoris Causa pela Universidade de Coimbra em 1998. Juntamente com o Professor Orlando Ribeiro, nomeado Doutor Honoris Causa pela Universidade Complutense de Madrid em 1985, tornaram-se verdadeiros mestres da Geografia Ibérica e importantes agentes na cooperação entre a Geografia de Espanha e de Portugal. O territorio de ambos os países tem sido objecto de estudo por parte do corpo docente do Departamento de Geografia da Universidade de Salamanca e Portugal tem sido um destino habitual para as práticas de campo dos estudantes de Geografia de Salamanca.

Faz agora 40 anos que os Colóquios de Geografia Ibérica se realizaram em Salamanca em Maio de 1979, seguindo-se o Colóquio de Lisboa em Outubro de 1980, até ao último, que mais uma vez teve como cenário a capital portuguesa (2018). Por isso, é especial adequado que o próximo, o XVII, tenha lugar em Salamanca.

O tema escolhido para enquadrar todas as apresentações é "Novas fronteiras e novos horizontes na Geografia Ibérica: políticas e transformações territoriais", com cinco eixos temáticos subdivididos em diferentes linhas de orientação, reflexão e debate distribuídos em sessões paralelas. Haverá também quatro mesas redondas sobre temas atuais e uma viagem de campo com três opções, estando ainda prevista a publicação dos textos escolhidos.

Participando na mesma ideia que já foi divulgada na apresentação do último Colóquio Ibérico realizado em Lisboa, este, em Salamanca, pretende ser também um momento de aprendizagem e consolidação ou de debate sobre investigação em curso, projectos futuros ou reflexões mais teóricas. E também pretendemos que este encontro seja um momento de celebração, encontro e intercâmbio.

TODOS SERÃO BEM-VINDOS, ESPERAMOS POR VÓS EM SALAMANCA
Jorge Olcina Cantos (Presidente de la AGE)
António Bento Gonçalves (Presidente de la APG)
José Luis Sánchez Hernández (Director del Departamento de Geografía de la USAL)

Organiza

Colabora